“Meu filho, aproveita-te do tempo, evita o mal” (Eclo 4,23)

Queridos irmãos e irmãs, antes de tudo, desejo um abençoado ano novo para todos! Que a esperança em Deus, nosso Pai, e em Jesus, o Verbo que se fez carne por nós, vença nossas apreensões e não nos deixe perder a alegria e a paz!

Chegamos a mais um novo ano que, para nós, cristãos, é sempre tempo da graça, pois Deus nos chama continuamente a estar em comunhão com Ele em Cristo para termos vida e vida em abundância. O tempo presente, por mais desafiador que nos pareça, é também tempo que o Senhor nos concede para continuar e aperfeiçoar nosso caminho de conversão e nosso trabalho pela construção do Reino de Deus.

No primeiro dia do ano, a Igreja celebra a nossa Mãe Santíssima. Ela é honrada com o título de “Mãe de Deus” confirmando a nossa fé na Encarnação do Verbo: Aquele que é Deus desde sempre e para sempre, se encarnou no seio da Virgem Maria e se fez homem, sem nunca deixar de ser Deus! Jesus possui tanto a natureza humana, quanto à divina. Por isso nós afirmamos que Maria é Mãe de Deus, isto é, Jesus, o filho de Maria, é Deus como o Pai! Nada mais apropriado no primeiro dia do ano que comemorar Aquela que é a porta por meio da qual Jesus entra no mundo para nos fazer participantes de sua vida divina! Que todo este novo ano seja sempre marcado pela materna intercessão de nossa Mãe, venerada por nós com o título de Nossa Senhora da Penha, e que Ela nos ajude a ser fiéis ao Evangelho, perseverantes no bem e combatentes contra o mal em todas as suas formas.

Em 25 de janeiro celebraremos o apóstolo São Paulo, grande e ardoroso anunciador do Evangelho, para quem “viver é Cristo e morrer é lucro”, homem identificado com Jesus a ponto de dizer com santa convicção: “Já não sou eu quem vivo, é Cristo que vive em mim!”. Ah, quem dera todos pudéssemos afirmar o mesmo! No mesmo dia em que fazemos memória de São Paulo Apóstolo, também celebramos o aniversário da cidade de São Paulo que aclamou Nossa Senhora da Penha como sua padroeira civil. Os grandes problemas e desafios desta nossa querida São Paulo não passam despercebidos aos olhos de Deus e não estão longe do coração de Maria, nossa Mãe e intercessora. A Ela suplicamos que cubra com seu manto de amor todos os cidadãos paulistanos, todos os que aqui vieram e se estabeleceram, oriundos de outros estados, regiões ou países. Que Ela nos mova a ser presença de amor e vida sobretudo para aqueles que são esquecidos pela cidade ou para os quais esta grande metrópole fecha os olhos: os excluídos, os mais sofridos e pobres. Ao recordar São Paulo Apóstolo que pedia aos Coríntios que tivessem caridade generosa para com os cristãos pobres de Jerusalém, e ao lembrar de Nossa Mãe que apressadamente foi acudir Isabel, sua prima, nos lembramos de nosso dever para com o bem do próximo, especialmente os mais vulneráveis.

Que este novo ano marque também uma fase melhor para todo o povo brasileiro, com saúde para os enfermos, trabalho para os desempregados, moradia para os que estão privados de um teto, educação para os que estão exclusos da instrução, dignidade para todos os que se encontram em situação de miséria e sofrimento; enfim, um país onde o último tenha todo o necessário para viver com dignidade. Que a semente do Evangelho se propague cada vez mais, a Igreja floresça em seu testemunho missionário e os frutos de conversão dos fiéis contribuam para que o Reino de Deus resplandeça em nosso meio. E que a nossa Paróquia/Santuário de Nossa Senhora da Penha, neste ano de 2022, floresça em sua missão evangelizadora, especialmente para com as famílias!

Um abraço fraterno e muitas bênçãos de Deus, por intercessão da Senhora da Penha. 

SECRETARIA PAROQUIAL

Segunda à Sexta-feira: 8h30 às 12h00 e 14h00 às 17h30
Sábado: 8h30 às 12h00 e 14h00 às 16h00
A secretaria está fechada aos domingos e feriados

ENDEREÇO

Rua Santo Afonso, 199
Penha de França - SP
Telefone: (11) 2295-4462